Thiago Mendonça

Estou com um corpo legal, mas qual meu parâmetro de comparação? Como posso saber se estou indo no caminho certo?
Como comparar meu corpo com alguém da academia? Devo competir?
Assim eu começo meu texto, lhe perguntando o que eu também me perguntei. Não importa onde, não importa como, você tem que saber o que você quer.
Meu nome é Thiago Mendonça (@thiago.rm) tenho 27 anos, atleta patrocinado pela BPI Sports UK, na categoria Mens Physique até 1.70cm , morando a 2 anos e meio em Dublin na Irlanda.
Você começar dando uma breve explicada do meu início na academia e nos palcos, afinal agora já estamos em preparação para o sétimo campeonato de lá pra cá já foram três segundo colocado alguns erros e acertos e no último campeonato me consagrei campeão e garantindo minha vaga para o campeonato europeu 2018 que irá acontecer em Maio na Espanha .
Nascido em São Paulo capital, me mudei muito cedo aos 3 anos de idade para São Fransisco do Sul – Santa Catarina e vivi toda minha vida nesta ilha, criança e adolescente muito ativo e arteiro, sempre me mantive ligado a algum esporte, Downhill, Skate, Corrida, Natação, Judo… mas nunca me encontrei e segui aquilo como algo que pudesse levar em paralelo aos meus afazeres, após muito tempo levando como um passa tempo, projeto de verão ou sem compromisso de ir todos os dias ou seguir uma dieta, com correria de serviço e trabalho em 2011 me vi aos 21 anos com um corpo de muita bebida, noitadas e bagunças. Normal para alguém que estava na faculdade e tentava ir à academia. No meio do ano de 2012 me comprometi a emagrecer e levar a sério uma dieta restrita e a partir daquele momento comecei uma longa jornada passando de 78kg para 69kg ao final do projeto que era apenas emagrecimento.
(Início do projeto com: 78,6 Kg.
Término do projeto emagrecimento:
Peso total: 69,80
Gordura: 6,39
Magro: 63,41
9,15% de Gordura.)
Dali em diante comecei então a pegar gosto pelo que fazia e não parei mais, achava legal o corpo que estava construindo porém não tinha como comparar com alguém, não era a fita métrica que iria me deixar feliz em saber se eu teria um Biceps maior que meu parceiro de treino, afinal eu nunca tive 42cm de braço; ou quantos quilos eu conseguira erguer no supino. Ainda não estava ali a reposta para minha cobrança pessoal.
Ao ir no campeonato estreantes catarinense 2014 como acompanhante de alguns amigos de amigo, despertou a vontade de competir, subir no palco e mostrar o que eu vinha construindo nos meus treinos e dedicação.
  • Campeonato Estreantes Catarinense IFBBSC – 2014
Me comprometi a estar presente no campeonato estreantes do próximo ano (2015), ao simples fato de pensar em competir começaram as críticas, “que eu não tinha o padrão da categoria”, “que eu não iria conseguir”, “que sempre teria alguém melhor que eu”. E mesmo assim me mantive focado e insistente, acreditando que o que teria que ser meu seria e no palco eu saberia minha colocação e comparação aos demais ali dividindo o palco comigo.
Me dediquei a conhecer a categoria Men’s Physique, treinava pose ao final de todos os treinos, gravei muitos vídeos, pedi para muita gente para ficar na plateia em frente ao espelho me olhando e analisando e sempre ia arrumando algum ponto que precisava de correção.
Ao estrear nos palcos e participar do Primeiro Campeonato, dentre 23 atletas fiquei em segundo colocado no campeonato Estreantes 2015 que aconteceu emBlumenau – SC.
  • Campeonato e Estreantes Catarinense IFBBSC – 2015
Me classifiquei para o campeonato estadual, e ali então muitas pessoas começaram a me olhar de uma forma diferente para o esporte, talvez um reconhecimento adquirido e conquistado por mesmo com tanta dificuldade e desconfiança eu segui o meu projeto.
Ao saber que ficando até o top 3 do Catarinense garantiria linha vaga pra o Brasileiro comprei passagem e reservei o hotel em Cuiabá para participar do 46• Campeonato Brasileiro de Fisiculturismo.
Sobre o campeonato catarinense onde precisava da minha vaga para dar continuidade aos planos já traçado antes mesmo do campeonato acontecer.
Me dediquei, apostei tudo, me comprometi muito mais encorajado e em busca do que eu queria.
Dividindo o palco com 8 atletas, fiquei em segundo colocado no Campeonato Catarinense 2015.
  • Premiação Campeonato Catarinense IFBBSC – 2015
Com a vaga garantida e passagens já compradas para Cuiabá – MT, foi apenas aguardar o dia e participar do Campeonato Brasileiro.
No dia do evento aconteceu algo interessante pois minha mãe, Adelaide Rodrigues que me acompanhou neste evento estava na torcida e acabou participando e dando entrevista para o Globo Esporte.
Passei da primeira eliminação para escolha dos TOP 15 e não passei pela segunda eliminação dos TOP 6 e fiquei no com a colocação de TOP 8. Feliz com o resultado sendo o terceiro campeonato daquele ano e ainda faltava um pouco de maturidade corporal para estar ao nível de um campeonato Nacional.
  • 46• Campeonato Brasileiro de Fisiculturismo, CUIABÁ – MT
Sul Brasileiro 2015, Shape melhor que das outras competições, presença de palco e confiança estavam muito boas. Porém fiquei triste, pois não pude mostrar o trabalho feito, horas e horas de atraso no evento acabei ficando cansado, correria antes de subir no palco, calor em cima do palco por conta da luminosidade do evento. Me fizeram não passar da primeira eliminaria. Conseguindo apenas um TOP 12 naquela competição.
  • Campeonato Sul Brasileiro 2015
Ao final de 2015, 15 dias após o campeonato embarquei para Irlanda.
No dia 20 de Dezembro de 2015.
COMPETIR NA EUROPA!
Logo que cheguei a Irlanda não sabia sobre competições, não sabia como funcionava o mundo bodybuilder aqui, recém chegado, procurei logo uma academia para não ficar fora das atividades. Não demorou muito para ver a movimentação na academia, na época Ben Dunne Gym, Jervis Street bem no centro da cidade de Dublin. onde tinha um preço muito atrativo e vários Brasileiros treinando nesta academia. Logo já estava infiltrado no esporte e só comentar sobre as competições e mostrar um pouco das minhas poses, não demorou muito para meus então parceiros de academia, Alan Gondim(Coach), Henrique Cicarelli e Arnold Blacksmith. me colocarem no mundo da competição aqui na Irlanda.
  • Conquistando o segundo lugar no Campeonato Spring Classic RIBBF 2016.
No ano de 2017 com uma grande equipe BOOM TEAM e agora então com meu treinador Bruno Borges e um pouco mais estabilizado com a correria de ser estudante e conciliar escola, serviço, treino e dieta, me preparei para o Campeonato Nacional da Irlanda (RIBBF National Ireland 2017), conquistando então o tão sonhado e almejado primeiro lugar e com isso irei representar o TIME “A” da Irlanda no European Championships 2018 em Santa Susanna – Espanha (de 02 a 07 de Maio)
  • Foto após premiação do Campeonato Nacional Irlandês 2017
Treinando a 6 anos e a 4 anos participando de campeonatos. Entre Brasil e Irlanda agora irei competir na Espanha.
Por só ter competido na Irlanda vejo que em comparação com o Brasil aqui se exige uma linha mais slim, seca e focado em fibra e definição.
A Suplementação se tornou algo internacional então as mesmas empresas e marca de suplementos que usava no Brasil são de fácil acesso aqui e a variedade muito maior para produtos que muitas vezes são barrados pela ANVISA no mercado Brasileiro.
Vejo também que mesmo sendo um país que tem um clima frio boa parte do ano é possível ver muitas pessoas dedicadas a levar uma vida saudável e ativa, não muito focada em competir porém muitas pessoas movimentando a área do esporte e do corpo com varias academias espalhadas pela cidade.
Talvez o calor e por ser um país muito tropical tenhamos “uma obrigação” ou facilidade maior no Brasil de seguir a linha da competição.
Após este tempo já aqui na Europa acredito que se você pretende sair do Brasil e não sabe como seria o mundo MAROMBA NA EUROPA pode ficar tranquilo que se você  dedica ao esportes e gosta de viver isso, você sempre estará rodeado de desafios e oportunidades.
Assim como estou me encaminhando para um grande desafio é talvez o tão sonhado PRO CARD.
Para ficar por dentro do que acontece aqui na Irlanda e seguir um pouco de uma rotina de um atleta que iniciou no Brasil e agora está descobrindo um pouco da Europa, só seguir no Instagram @thiago.rm ou minha página no facebook https://m.facebook.com/thiago.physique/
Agradeço meu amigo; inspiração de dedicação, treino e disciplina na dieta o atleta MARCELO TOLLIO criador desta página por ter cedido espaço para contar um pouco da minha trajetória e história.

Thiago Rodrigues de Mendonça 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s

Blog at WordPress.com.

Up ↑

%d bloggers like this: